Shalom

Envio missionário: Shalom abrirá quatro casas de missão em diferentes países

No mês das missões, a Comunidade Shalom apresenta as quatro casas de missão que serão fundadas em breve.

Foto | Unsplash

A cada ano, a Comunidade Católica Shalom tem buscado corresponder ao apelo da Igreja nos mais diversos lugares do planeta. Quatro novas casas de missão serão fundadas em países diferentes.

Shalom na terra da JMJ 2023

Lisboa, a capital portuguesa, receberá seis missionários para compor o Escritório da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) 2023. Padre Cristiano Pinheiro, assistente internacional na época, conta que, um dia antes da Vigília na JMJ do Panamá, um dos bispos auxiliares de Lisboa pediu que a Comunidade desse sua contribuição na organização do evento em Portugal. “Nós ficamos felizes com esse convite e então começamos o diálogo com o Patriarcado de Lisboa e assim tudo foi se formalizando”.

Ainda de acordo com o sacerdote, o foco dos missionários até 2023 será a JMJ. Depois desse período, a Comunidade desenvolverá as suas ações evangelizadoras em uma das principais capitais da Europa. Em terras portuguesas, essa será a terceira missão da Comunidade, que já está presente nas dioceses de Setúbal e de Braga.

Shalom no extremo oriente

Na oitava da Páscoa de 2018, Padre Cristiano foi convidado por alguns bispos de Taiwan para apresentar a Vocação Shalom e o trabalho de evangelização da Comunidade com os jovens. Depois desse encontro, começou-se um diálogo para que uma casa de missão fosse implantada na diocese de Hsinchu.

Depois de Manila, nas Filipinas, essa nova casa de missão reforça a presença da Vocação no extremo oriente. “Taiwan é um país com muitos jovens, com poucos católicos, poucos cristãos, mas com uma grande liberdade para evangelização”. A Comunidade vai se instalar na região de uma paróquia dedicada a São Miguel Arcanjo, que fica em frente a algumas universidades por onde passam cerca de 20 mil estudantes.

Shalom na ilha de Cuba

De acordo com o assistente internacional, já faz alguns anos que a Comunidade tem dialogado com o arcebispo da diocese de Santiago de Cuba. A cidade fica na parte oriental da ilha e é considerada uma das mais importantes.

A expectativa é que em breve a Comunidade esteja presente em mais um país da América Central realizando as suas ações de evangelização, assim como tem feito no Panamá desde a preparação para a JMJ 2019.

Shalom em New York

New York, a cidade mais populosa dos Estados Unidos (EUA), vai ganhar mais quatro novos habitantes. São os missionários da Comunidade Católica Shalom que chegarão em breve para realizar trabalhos de evangelização, anunciando Cristo Ressuscitado. Padre Cristiano Pinheiro, missionário da Comunidade de Vida, será o responsável pela a fundação em território americano.

Com muitas áreas verdes, a cidade é repleta de parques e praças. Ela também é conhecida por ter um número expressivo de imigrantes de várias partes do planeta. Estão entre os principais pontos turísticos: Estátua da Liberdade, Central Park, Times Square e Quinta Avenida.


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *