Shalom

Saiba mais sobre a campanha “Melhor vida não há”

Os meses de maio e junho são dedicados a ações de combate e prevenção da drogadição, realizadas pela Assessoria de promoção humana Shalom.

comshalom

A campanha “Melhor Vida Não Há” promovida pela Comunidade Católica Shalom, e voltada para a prevenção e combate às drogas, é coordenada pela Assessoria de Promoção Humana Shalom. Tem como objetivo auxiliar na prevenção do consumo de drogas, e promover o sentido de vida.

 A dependência química, problemática cada vez mais recorrente na vida de muitos jovens, mostra-se mais presente na vida da sociedade e, portanto, a atuação da Comunidade Católica Shalom por meio dessa campanha configura-se como uma resposta diante do o que Papa Francisco chama de “formação humana integral”. 

Desde 1987, o dia 26 de junho é marcado como o Dia Mundial contra o Uso das Drogas. Alguns anos depois, inspirada por essa iniciativa da ONU, a Comunidade Católica Shalom em Fortaleza sentiu o desejo de realizar uma forma de evangelização nesse sentido. Começou com uma noite temática, testemunhos, ações artísticas, missas nos Centros de Evangelização, tudo em parceria com o Projeto Volta Israel, que atua de forma permanente no combate ao uso abusivo de álcool e outras drogas, através da evangelização, prevenção e tratamento, promovendo a reinserção social.

E depois a ação se ampliou em parceria com o Projeto Juventude para Jesus (PJJ), a fim de realizar a conscientização e prevenção dentro das escolas, colégios e faculdades, afinal os jovens são o publico alvo dessa campanha. Antes era chamada “Vida quero mais” e foi motivado essa dinâmica para as missões da Comunidade pelo mundo. E desde 2017, o nome mudou para “Melhor vida não há”.

Hoje, a campanha ainda está em crescimento, e acontece nos meses de maio e junho, e depois, em setembro (que terá todas as motivações do mês amarelo), serão desenvolvidas ações, que favoreçam o sentido de vida e combatam o suicídio. Desde o mês passado, algumas missões da Comunidade, estão promovendo lives sobre a campanha, contando sempre com convidados que tendem a auxiliar no assunto, por exemplo, psicólogos, sacerdotes e missionários que colaboram com o trabalho.

“A Prevenção é o melhor remédio”

De acordo com Samuel Briois, missionário da Comunidade de Vida e responsável pelo projeto “Melhor vida não há”, a melhor maneira de prevenir é formar, avisar, informar, dialogar, explicar, sensibilizar, testemunhar, desmistificar, dizer a verdade sobre esse assunto. E diz ainda “no Shalom, todas as nossas ações brotam da oração e, de fato, a prevenção é também o anúncio da felicidade de conhecer o amor de Jesus Cristo. O foco sãos os jovens e nessa luta, trabalhando na prevenção, encontramos pessoas que são adictas. Para eles, procura-se propor o melhor possível: acompanhamento espiritual, psicológico, vaga em uma casa de tratamento, e também oração de cura e libertação, se for preciso.”

Em um trabalho integrado com o PJJ, uma novidade desse ano foi motivar um despojamento da parte dos jovens para os pobres. E devido à pandemia da COVID-19, as demais ações acontecem on-line, por meio de lives no Instagram e Youtube. E com isso, as missões da Comunidade Shalom estão se adaptando. Desta forma, há possibilidade de alcançar pessoas novas. É um desafio que pode se transformar em uma oportunidade de crescimento com a graça!


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *