Shalom

O rosto vivo de Cristo que Francisco viu nos pobres

A história de Carisma Shalom e os pobres remonta aos tempos da Fundação. O convite a “Amar o Amor”, eterno brado do baluarte da Vocação, foi respondido indo ao encontro dos pobres e dos jovens desde o alvorecer do Carisma.. 

comshalom

Em resposta ao convite feito a toda a Igreja pelo Papa Francisco, no Dia Mundial dos Pobres a Comunidade Católica Shalom, em todas as missões, se dedicou de forma particular à convivência, cuidado e assistência aos irmãos mais pobres.

Pobres sempre tereis convosco

A história de Carisma Shalom e os pobres remonta aos tempos de sua fundação. O convite a “Amar o Amor”, eterno brado do baluarte da vocação São Francisco de Assis, foi respondido indo ao encontro dos pobres e dos jovens desde o alvorecer do Carisma. 

Ao longo dos anos, o chamado específico em relação aos pobres foi se tornando mais claro e respondido por meio de várias iniciativas como o Projeto “Volta Israel”, dedicado à recuperação de pessoas em situação de dependência química,  o Albergue São Francisco, dedicado ao acolhimento de pessoas em situação de rua. 

Hoje, são inúmeras as iniciativas junto aos irmãos mais pobres da nossa sociedade. Os projetos multiplicaram-se, as estruturas de acolhimento também. E a semente daquilo que despontou nos primeiros anos da vocação hoje se revela com toda força: os jovens e os pobres. Com os jovens vamos aos pobres, e os pobres nos conduzem aos jovens e a sua particular sede de amor e radicalidade.

Jovens e os pobres

Profundamente associados em nossa história,  estes dois alvos privilegiados de todo o empenho e trabalho da Comunidade Shalom, não poderiam dissociar-se nesta V Jornada Mundial do Pobres. Por isso, aconteceu em várias missões  de 12 a 14 de novembro o Congresso de Jovens Shalom, que conta em sua programação com momentos dedicados à pregação, oração e encontro com os pobres nas ruas da cidade.

Missão de Roma

Na missão de Roma (Itália), o Centro Jovem São Lourenço,  lugar dedicado ao acolhimento dos jovens de todo o mundo no coração da Igreja, na Jornada Mundial do Pobres tornou-se o lugar do chamado “Encontro entre amigos”. A proposta do evento foi de mediar o encontro entre os jovens e os pobres por meio da oração, convivência e refeição compartilhada.

Yesterday, we as Shalom Catholic Community in Rome organized an event with the homeless and the poor. I had the opportunity to chat, pray and drink coffee with some of them and I was so amazed by their stories, their knowledge and their openness. Life situations might have brought them to live “this life”, but they will never lose their dignity as children of God, made in His image”. Maria Abu Nassar 

Jornada Mundial dos Pobres em Assis

“Um dia inesquecível. O dia 12 de novembro de 2021 ficará marcado por encontros únicos.” Declara  Marden Vinícius de Souza,missionário da Comunidade Católica Shalom, que participou da Jornada Mundial dos Pobres em Assis junto ao Papa Francisco acompanhando um grupo francês, da diocese de Fréjus-Toulon, completa, “pude experimentar a bem-aventurança dos pobres de coração. Sim, que felicidade em poder conviver com pessoas que tantas vezes infelizmente passam despercebidas no nosso dia a dia!”

Hospedados no mesmo hotel, pude partilhar com esses pobres, momentos de convivência, refeições, caminhadas. Enfim, foi a ocasião de lançar sementes de novas amizades.

Penso aqui nessa senhora portuguesa que me falava da rua como uma escola e da pobreza com a professora. Ela não tem o dinheiro como grande desejo, ela quer simplesmente ser ouvida e amada como ela é.

Como não lembrar também desse senhor de grande cultura, conhecedor da arte e da botânica, mas que necessita de ajuda para atividades simples como tomar o seu banho ou se barbear.

No pobre há sempre uma marca do Cristo. Basta estar atento e podemos vê-lo.

Missão Sucre (Bolívia) 

A missão de Sucre, preparou com muita atenção e zelo a sua jornada com os pobres. O Bairro Ágape, zona La Jastambo situado nos arredores da cidade de Sucre,  que já recebe regularmente a visita e apoio dos missionários, mas na JMP além da entrega de roupas e alimentos, tiveram um forte momento de fraternidade por meio da oração e refeição juntos.

Um momento especial, foi a visita às casas do bairro marcada por tantos encontros e partilhas, “ um momento que me marcou profundamente, ao chegar à primeira casa encontramos uma senhora idosa em cadeira de rodas com dois filhos adultos. Fizemos um momento de oração juntos e ao final aquela senhora me olhou tão profundamente como se alcançasse minha alma. Vi no seu rosto e no seu olhar o rosto de Cristo, me senti visitada por ele que me esperava nos pobres ”

Missão Lubango (Angola)

A Jornada Mundial dos Pobres marcou o início da consolidação do Projeto Shalom Amigo dos Pobres na Arquidiocese de Lubango. Com alegria os missionários testemunham a ação da providência divina: alguns médicos abraçaram a proposta do projeto e a chegada de doações de alimentos e roupas forneceram as condições para a ação. 

O número de pessoas alcançadas é estimado em 200 participantes, entre crianças e idosos. Depois da celebração eucaristica, iniciaram as consultas médicas, com a aplicação dos teste de malária, paludismo e HIV, além do suporte de uma pequena farmácia. 

Foi oferecido ainda corte de cabelo além de atividades de recreação para as crianças, cujas famílias receberam cestas básicas.

Missão Lugano (Suíça)

Com intuito de ajudar a missão de Madagascar, a missão Shalom Suiça realizou na Jornada Mundial dos Pobres um jantar beneficente. A arrecadação de fundos foi destinada à retomada do Projeto José do Egito na cidade de Antsiranana, onde a Comunidade Shalom está presente desde 2007 prestando auxílio às pessoas em situação de vulnerabilidade no vilarejo de Diego.

Segundo Magnaura Lima, missionária da Comunidade Shalom que vive em Madagascar, cerca de 90 crianças participam, de segunda-feira a sexta-feira, de atividades pedagógicas que envolvem alfabetização, recreação, higienização e alimentação nutritiva. O Projeto José do Egito tem como prioridade o desenvolvimento humano e espiritual dos pequeninos em situação de risco.

V Jornada Mundial dos Pobres 

Dos muitos encontros com os pobres, renovou-se no coração de todos os envolvidos a experiência com Cristo. Tratou-se de deixar-se evangelizar por eles, que como afirmou o Papa Francisco “permitem descobrir de modo sempre novo os traços mais genuínos do rosto do Pai.”

 

 

Luana Santana


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *