Shalom

Como ser fiel à minha oração pessoal?

Normalmente somos perseverantes naquilo que achamos importante, com isso, nem sempre priorizamos a rotina oracional; Durante uma live no @comshalom Carmadélio Sousa deu algumas dicas sobre este processo de fidelidade.

comshalom

A próxima edição da Escola de Líderes se aproxima, e para melhor nos prepararmos, Carmadélio Sousa, responsável pela escola e consagrado da Comunidade Católica Shalom, explica um pouco sobre o tema “Oração, um trato de amizade com Deus”, baseado no itinerário espiritual de Santa Teresa D’Ávila e a oração à luz de Santo Agostinho, além de destacar vários pontos importantes do Catecismo da Igreja Católica. 

Leia também: Saiba quais os temas dos workshops da Escola de Líderes 2022

Durante uma live, o missionário e consagrado, deu dicas sobre como ser perseverante na vida de oração pessoal. Confira algumas reflexões ditas por ele:

O que é perseverança?

Segundo o dicionário, perseverar é dar continuidade a uma ação após um intenso esforço. Etimologicamente, perseverar é continuar firme e constante no propósito de alcançar um objetivo já iniciado, por mais adversas que sejam as circunstâncias.

“Conseguimos experimentar perseverança, quando as circunstâncias nos são favoráveis. Como sei que sou perseverante? Quando eu continuo apesar de tudo ir contra. Somos perseverantes quando insistimos, mesmo com as dificuldades e tentações. Continuar firme e constante no propósito, neste caso, a oração.”

Leia também| Como perseverar na oração?

Como vemos a oração?

Para entender isso, é preciso definir a forma como se vê a oração: Você vê oração como encontro de duas liberdades do amor, ou você entende oração como uma prática religiosa?

“A oração é também uma prática religiosa, mas não somente, pois assim, corro o risco de ficar apenas no ‘ritual’, ‘estrutura’. Por falar muito, se pensa que muito se reza, e nem sempre é assim. Tentamos preencher o tempo da oração pessoal com conteúdos, cantamos,  rezamos o terço, lemos, fazemos uma série de atividades, naquele determinado tempo, para encher o espaço, por imaginar que oração é produzir conteúdo. O próprio Cristo explica nos Evangelhos que não é pelo muito falar que seremos ouvidos.”

Leia: Existe um segredo para mergulhar na vida de oração?

“É importante entender a oração como relação de amizade entre nós e Deus. Oração é um trato de amizade entre duas liberdades no amor. A liberdade de um Deus que quis nos amar, nos escolheu e nos chama sem nenhum mérito de nossa parte. E a nossa adesão é livre, pois nós não estamos em Deus obrigados. Estamos em Deus porque Ele nos conquistou, e respondemos a partir da nossa liberdade.”

“Deus não impõe, porque se isso ocorresse, Ele esmagaria nossa liberdade. E a nossa liberdade é um dos elementos constitutivos na nossa imagem e semelhança de Deus. Por isso a liberdade é tão importante na nossa relação com Deus.”

Oração, trato de amizade com Deus

“Ao entender que oração é encontro de duas liberdades do amor, vou saindo cada vez mais da visão burocrática de entender oração como algo que eu faço. Oração é algo que eu sou. É uma tão íntima e tão profunda do nosso coração limitado e pecador em relação ao coração grandioso de Deus, da nossa pequena liberdade humana com a grandiosa liberdade divina, que nos encontramos em Deus. A oração é o lugar onde nos encontramos conosco mesmo, porque é o lugar que Deus, nosso criador, se encontra. Por esta razão, de fato, oração é um encontro de amizade.”

Veja| Descubra qual melhor horário para você rezar

“Para continuar firmes e perseverantes na oração, é preciso estar firmes no propósito de continuar nos comunicando com Aquele que nos amou primeiro. A perseverança para nós é continuar firmes e constantes no relacionamento, na comunicação, a partir da minha liberdade com Aquele que me amou primeiro.”

“Deus não é um sistema de crenças, não é uma ideia. Deus é um ser pessoal, dotado de liberdade e vontades. E nós fomos convidados por graça Dele, a participarmos da Sua natureza. Desta forma, nós tocamos na natureza divina.”

“Nós somos amados por Deus pelo simples fato de sermos filhos.”

A necessidade da vida de oração

Nos preocupamos muito com o conteúdo das oração, às vezes até temerosos por não dar a devida qualidade, e nos esquecemos do fato, que estar diante do Pai, contemplar, silenciar, já uma forma de oração. E também compreenda que a forma como rezamos vai mudando com o tempo, é isso é algo natural da vida, pois mudamos.

“Se você estiver na sua oração em absoluto silêncio, estará diante do seu Pai e Ele diante de você. Mesmo sem ter assunto,  sem sentir nada ou até dormir, haverá valor, por haver, de fato, a perseverança.”

” A maneira como eu rezo hoje, não é a mesma que eu rezava há 40 anos, porque eu também fui mudando. Oração é uma relação viva, não é uma prática religiosa. Eu oro a partir da minha vida, este é conteúdo da nossa oração.

 A oração diz respeito a este encontro de amizade com Deus, e ao entender que o amor me fará me colocar diante do Senhor, eu me sacrifico para gastar todo meu tempo com Ele, nesta relação necessária que ocorre no encontro de duas liberdades: a divina com a humana.

Muitas outras reflexões Carmadélio revelou durante a live no @comshalom, e você pode assistir pelo link abaixo e também garantir sua inscrição na Escola de Líderes 2022. Não perca estas oportunidades

Veja a live na íntegra:

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Comunidade Católica Shalom (@comshalom)

Serviço

Escola de Líderes latino-americana 2022

Quando: 22, 23, 29 e 30 de janeiro de 2022

Participe do grupo no Telegram

Site: escoladelideresshalom.com


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *