Shalom

Vocação?

Quando se fala de vocação, há quem pense nos padres e nas freiras, ou nos médicos, ou em sensacionais artistas, ou em frases do tipo: “Fulano tem vocação pra tal coisa…”. Sim, a vocação é um pendor natural.

comshalom

Para mim, falar de vocação é primeiramente falar de natureza. No sentido mais puro da palavra, a natureza como condição original, natural, que o homem não dominou, não civilizou. Algo que se encontra enlaçado tão profundamente no nosso íntimo e que é tão necessário à nossa sobrevivência, ao ponto de investirmos nosso tempo, nosso esforço, nossas habilidades, nossa inteligência, a fim de procurar, encontrar e finalmente conquistar.

Porém, conquistar para nós é pouco, nós queremos mais. Queremos viver, sofrer, alegrar, lutar, vencer, morrer… Por ela, com ela, nela. Neste espaço intocado por nós, que existe no centro da nossa alma, que voa livre nos lugares altos do nosso espírito, neste lugar onde Deus mora e nos chama, está o sentido de nossas vidas. Um dom imensurável, um chamado, uma graça, dada de graça a quem humildemente estende a mão. Acima de tudo, um privilégio!

A vocação é a nossa natureza mais profunda, a razão pela qual Deus quis que existíssemos, o Amor que nos tira do nada pra nos fazer o que somos, o caminho que Ele sonhou pra nos fazer felizes, mais completos, mais humanos. A oportuna providência que Ele nos dá para O amarmos com perfeição.

A vocação é a minha identidade, o que eu sou, pura e simplesmente. É o que sempre fui e o que sempre serei. O meu grande acerto. A vocação me permite olhar pra trás e reler a minha história, identificar um caminho marcado pelo sustento de um PAI QUE ME AMA, e pelo amor que tudo superou e venceu, até me trazer aqui.

E o “aqui” tem nome: Shalom! Uma Vocação de Paz. A Paz que é uma pessoa: Jesus Cristo. Vivo, presente, imutável, belo, antigo, sempre novo, sempre perto. Com Ele o Amor e a Vida são certos. Não há o que temer.

Redação

Shalom Belém


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Olá!!A paz do Senhor Jesus!!
    Para se tornar um missionário Shalom,considera-se uma idade máxima?Só jovens podem se tornar missionários na Shalom?Pessoas acima dos 40 anos podem ser missionários?

    1. Olá Rogério tudo bem? Bom, você não deixou claro se é vida ou aliança a que você se refere. São formas diferentes de ser missionários, mas são missionários. A comunidade de vida deixa tudo e parte em missão, a comunidade aliança serve a Deus na própria cidade, obviamente onde tem uma grupo ou obra Shalom. Se for a comunidade de vida tem sim uma idade máxima, porem nada é duro e engessado, cada caso é um caso. Procure, se apresente, dialogue, proponha, você pode se surpreender. Estarei rezando por você, Shalom!